Inglês

n my opinion, The Matrix films provide the best metaphor our society has for understanding why organized evil and oppression are allowed to exist, and so I will use it for this purpose. While my interpretation isn't the only possible one, I believe it to be valid, comprehensive, and most importantly, illustrative of the message I am trying to convey. So let's begin by discussing what the Matrix is not. The Matrix is not the physical world. As far as I'm concerned, the physical world is actually real and is in fact governed ceaselessly by the laws of physics. Conversely, the Matrix is also not the Internet, despite what many seem to believe. The Matrix spans and transcends both these worlds. It has existed since the dawn of civilization, and it will continue to exist until its collapse. So then, what is it? Well, that's complicated. Much like in the movie, it's nearly impossible to convey the size and scope of the Matrix to someone who doesn't already see it for what it is. However, unlike the movie, I believe it is an ethical imperative to try to convey it in a literal sense, even to those who are so dependent upon the Matrix that they would fight to protect it. At worst, they won't understand or believe and will continue on about their business. In a sense, I believe Cypher was right to resent Morpheus for what he did, because Morpheus is the social structure that subordinates Humanity to its will. It is the machinery of society that exists solely to perpetuate itself, its influence, and its power independent of any human need. It insulates us from each other and ourselves through deception, and essentially transforms us into servile engines of economic and political output (power). The machines that live off this power are institutions: large corporations, governments, schools, religious institutions, and even non-profit orgs. Every institution will reach a point in its existence where its primary function becomes self-preservation and perpetuation, instead of serving human need. At this point it becomes a machine of the Matrix. For example, when they become machines, governments cease to serve people and instead seek to extend their power over them; corporations prioritize increasing shareholder value over producing quality products or otherwise serving the public good; schools view students as a means and not an end; religious organizations equate membership with salvation (and actively oppose other teachings and even independent practice); and non-profits and charities spend more budget on fund raising activity than on their original focus. Inevitably all large institutions eventually become machines. They become too big for Humanity. In addition to the independent self-perpetuating machines that write most of our paychecks, the Matrix has several major cooperative and more actively sinister groups of machines subsisting off of its power and directly contributing to the structure of the Matrix itself. These groups are the Military Industrial Complex, the Political Industrial Complex, the Prison Industrial Complex, the Surveillance Industrial Complex, the Media Industrial Complex, the Academic Industrial Complex, the Agricultural Industrial Complex, the Medical Industrial Complex and the major religious organizations (not to be confused with actual religions, many religious organizatons have abandoned the underlying principles of the religions they claim to represent). All machines in these groups either actively oppress humanity, or enable the oppression to persist. It is through their combined efforts that the Matrix takes on some of its more distasteful qualities. Do you ever wonder If Aristotle and Plato dedicated their lives to something they don't really believe or tested? They had a school, a philosopher school. 2300 years ago and still today we have to learn it at the University's. But why? If the things they said back then where just thought forms without a deeper truth or meaning why do we need to go so far back? How many opinions are there? Why are the opinions of them so important that was my question. If you then take Karl Marx his book 'das capital', and you see his vision completely clashes with the visions of the ancient philosophers, not just little differences in opinion but a way of thinking I call it a form of dehumanization, all in the name of capital. Without shame. I wonder how this can be. Because truth can be found in Ancient Philosophy, I believe in the laws concerning property en wealth that Aristotle pointed out very strictly in his works. Why? Because the people he worked with were on to something. You don't do the things they did if it's all without meaning. With the invention of money those laws could be altered because the economy was since then not a trade of goods but an economy based on money. Carl Marx was the front-man of a shift. Money going to the digital age. Therefore maybe we should take Marx and add IT with the theory to make it up to date. Marx-IT or

Português

Na minha opinião, os filmes Matrix fornecem a melhor metáfora que nossa sociedade tem para entender por que o mal e a opressão organizados podem existir, e por isso vou usá-lo para esse fim. Embora minha interpretação não seja a única possível, acredito que seja válida, abrangente e, o mais importante, ilustrativa da mensagem que estou tentando transmitir. Então, vamos começar discutindo o que a Matrix não é. Matrix não é o mundo físico. Para mim, o mundo físico é realmente real e é de fato governado incessantemente pelas leis da física. Por outro lado, a Matrix também não é a Internet, apesar do que muitos parecem acreditar. Matrix se estende e transcende esses dois mundos. Existe desde o início da civilização e continuará existindo até o seu colapso. Então, o que é isso? Bem, isso é complicado. Assim como no filme, é quase impossível transmitir o tamanho e o escopo da Matrix para alguém que ainda não a vê pelo que é. No entanto, ao contrário do filme, acredito que é um imperativo ético tentar transmiti-lo em um sentido literal, mesmo para aqueles que são tão dependentes da Matrix que lutariam para protegê-lo. Na pior das hipóteses, eles não entenderão ou acreditarão e continuarão com seus negócios. Em certo sentido, acredito que Cypher estava certo em ressentir-se de Morfeu pelo que fez, porque Morfeu é a estrutura social que subordina a Humanidade à sua vontade.É o mecanismo da sociedade que existe apenas para se perpetuar, sua influência e seu poder, independentemente de qualquer necessidade humana. Ele nos isola um do outro e a nós mesmos através do engano e essencialmente nos transforma em motores servis de produção econômica e política (poder). As máquinas que vivem desse poder são instituições: grandes corporações, governos, escolas, instituições religiosas e até organizações sem fins lucrativos. Toda instituição alcançará um ponto em sua existência em que sua função principal se torna autopreservação e perpetuação, em vez de atender às necessidades humanas. Neste ponto, torna-se uma máquina da Matrix. Por exemplo, quando se tornam máquinas, os governos deixam de servir as pessoas e, em vez disso, procuram estender seu poder sobre elas; as empresas priorizam o aumento do valor para os acionistas em vez de produzir produtos de qualidade ou servir ao bem público; as escolas vêem os alunos como um meio e não como um fim; organizações religiosas equiparam filiação à salvação (e se opõem ativamente a outros ensinamentos e até práticas independentes); e organizações sem fins lucrativos e instituições de caridade gastam mais orçamento em atividades de angariação de fundos do que em seu foco original. Inevitavelmente, todas as grandes instituições acabam se tornando máquinas. Eles se tornam grandes demais para a humanidade.Além das máquinas autoperpetuadoras independentes que escrevem a maioria de nossos contracheques, a Matrix possui vários grupos cooperativos e sinistros de máquinas mais importantes subsistindo de seu poder e contribuindo diretamente para a estrutura da própria Matrix. Esses grupos são o complexo industrial militar, o complexo industrial político, o complexo industrial da prisão, o complexo industrial da vigilância, o complexo industrial da mídia, o complexo industrial acadêmico, o complexo industrial acadêmico, o complexo industrial agrícola, o complexo industrial médico e as principais organizações religiosas confundidas com religiões reais, muitas organizações religiosas abandonaram os princípios subjacentes das religiões que afirmam representar). Todas as máquinas desses grupos oprimem ativamente a humanidade ou permitem que a opressão persista. É através de seus esforços combinados que a Matrix assume algumas de suas qualidades mais desagradáveis. Você já se perguntou se Aristóteles e Platão dedicaram suas vidas a algo que eles realmente não acreditam ou testaram? Eles tinham uma escola, uma escola de filósofos. 2300 anos atrás e ainda hoje temos que aprender na Universidade. Mas por que? Se as coisas que eles disseram antes, onde apenas o pensamento se forma sem uma verdade ou um significado mais profundo, por que precisamos voltar tão longe? Quantas opiniões existem? Por que as opiniões deles são tão importantes que foi a minha pergunta.Se você pegar Karl Marx em seu livro 'das capital' e ver sua visão colidir completamente com as visões dos filósofos antigos, não apenas pequenas diferenças de opinião, mas uma maneira de pensar, eu chamo de uma forma de desumanização, tudo na nome do capital. Sem vergonha. Eu me pergunto como isso pode ser. Como a verdade pode ser encontrada na filosofia antiga, acredito nas leis relativas à propriedade e à riqueza que Aristóteles apontou estritamente em suas obras. Por quê? Porque as pessoas com quem ele trabalhava estavam envolvidas em alguma coisa. Você não faz o que eles fizeram se tudo não tiver sentido. Com a invenção do dinheiro, essas leis poderiam ser alteradas porque, desde então, a economia não era um comércio de mercadorias, mas uma economia baseada no dinheiro. Carl Marx era o líder de uma mudança. Dinheiro indo para a era digital. Portanto, talvez devêssemos pegar Marx e adicionar TI à teoria para atualizá-la. Marx-IT ou

Termos de Utilização

Todas as traduções feitas são armazenadas no banco de dados. Os dados salvos são publicados no site de forma aberta e anônima. Por este motivo, lembramos que suas informações e dados pessoais não devem ser incluídos nas traduções que você fará. O conteúdo criado a partir de traduções de usuários pode incluir gírias, blasfêmias, sexualidade e elementos semelhantes. Recomendamos não usar nosso site em situações desconfortáveis, pois as traduções criadas podem não ser adequadas para pessoas de todas as idades e locais de interesse. Se, no contexto da tradução dos nossos usuários, houver insultos à personalidade e / ou aos direitos autorais, etc. você pode nos contatar por e-mail, →"Contato"


Política de Privacidade

Terceiros, incluindo o Google, usam cookies para veicular anúncios com base em visitas anteriores do usuário ao seu website ou a outros websites. Com o uso de cookies de publicidade, o Google e os parceiros dele podem veicular anúncios para os usuários com base nas visitas feitas aos seus sites e/ou a outros sites na Internet. Os usuários podem desativar a publicidade personalizada acessando as Configurações de anúncios. Como alternativa, você pode orientar os usuários a acessar o site www.aboutads.info para desativar o uso de cookies de publicidade personalizada de terceiros.