Inglês

Most earthquakes are caused by large-scale movements of the Earth's lithospheric plates. and occur at the boundaries between the plates. Experts recognize seven to twelve major plates and a number of smaller ones. The plates take their names from continents (the North American plate): from oceans (the Pacific plate): and from geographic areas (the Arabian plate). Slow and Steady Motion The plates are in very slow but constant motion, so that seen from above, the Earth's surface might look like a slowly moving spherical jigsaw puzzle. The plates move at rates of 2 to 15 cm or several inches in a year, about as fast as our fingernails grow. On a human scale, this is a rate of movement that only the most sophisticated instruments can detect. But on the scale of geological time, it's a dizzying speed. At this rate, those almost-four-billion-year old rocks could have traveled all the way around the Earth eleven times. The movement of the plates is generally one of three kinds: spreading, colliding or sliding. When plates are spreading, or separating from each other, we call their movement divergent. When they are colliding, or pushing each other, we call the movement convergent. Movement in which plates slide past each other is called lateral (or transform) plate movement. Earthquakes can accompany each of the three types of movement. Plate Tectonics The revolutionary theory of plate tectonics originated early in the 20th century, although it did not gain general acceptance until the late 1960s. The German meteorologist, geophysicist, and explorer Alfred L Wegener is now given credit for the first step in understanding the movement of the lithosphere. In the period 1910-1912 he formulated the theory called continental drift and collected evidence from the rocks, fossils, and climate of various continents to show that they had once been joined together. Wegener had little data on the oceanic crust, so he thought that the continents merely moved through that crust.

Português

A maioria dos terremotos é causada por movimentos em grande escala das placas litosféricas da Terra. e ocorrem nos limites entre as placas. Os especialistas reconhecem de sete a doze placas principais e várias placas menores. As placas recebem seus nomes de continentes (a placa norte-americana): dos oceanos (a placa do Pacífico): e de áreas geográficas (a placa árabe). Movimento lento e constante As placas estão em movimento muito lento, mas constante, de forma que, vista de cima, a superfície da Terra pode parecer um quebra-cabeça esférico que se move lentamente. As placas se movem a taxas de 2 a 15 cm ou várias polegadas em um ano, quase tão rápido quanto nossas unhas crescem. Em uma escala humana, essa é uma taxa de movimento que apenas os instrumentos mais sofisticados podem detectar. Mas na escala do tempo geológico, é uma velocidade vertiginosa. Nesse ritmo, aquelas rochas de quase quatro bilhões de anos poderiam ter percorrido todo o caminho ao redor da Terra onze vezes. O movimento das placas é geralmente de três tipos: espalhamento, colisão ou deslizamento. Quando as placas estão se espalhando ou se separando, chamamos seu movimento de divergente. Quando eles estão colidindo ou se empurrando, chamamos o movimento de convergente. O movimento no qual as placas deslizam umas sobre as outras é chamado de movimento lateral (ou de transformação) da placa. Terremotos podem acompanhar cada um dos três tipos de movimento.Placas tectônicas A teoria revolucionária das placas tectônicas se originou no início do século 20, embora não tenha ganhado aceitação geral até o final dos anos 1960. O meteorologista, geofísico e explorador alemão Alfred L Wegener agora recebe o crédito pelo primeiro passo na compreensão do movimento da litosfera. No período de 1910-1912, ele formulou a teoria chamada deriva continental e coletou evidências de rochas, fósseis e clima de vários continentes para mostrar que eles haviam sido unidos. Wegener tinha poucos dados sobre a crosta oceânica, então ele pensava que os continentes apenas se moviam por essa crosta.

Termos de Utilização

Todas as traduções feitas são armazenadas no banco de dados. Os dados salvos são publicados no site de forma aberta e anônima. Por este motivo, lembramos que suas informações e dados pessoais não devem ser incluídos nas traduções que você fará. O conteúdo criado a partir de traduções de usuários pode incluir gírias, blasfêmias, sexualidade e elementos semelhantes. Recomendamos não usar nosso site em situações desconfortáveis, pois as traduções criadas podem não ser adequadas para pessoas de todas as idades e locais de interesse. Se, no contexto da tradução dos nossos usuários, houver insultos à personalidade e / ou aos direitos autorais, etc. você pode nos contatar por e-mail, →"Contato"


Política de Privacidade

Terceiros, incluindo o Google, usam cookies para veicular anúncios com base em visitas anteriores do usuário ao seu website ou a outros websites. Com o uso de cookies de publicidade, o Google e os parceiros dele podem veicular anúncios para os usuários com base nas visitas feitas aos seus sites e/ou a outros sites na Internet. Os usuários podem desativar a publicidade personalizada acessando as Configurações de anúncios. Como alternativa, você pode orientar os usuários a acessar o site www.aboutads.info para desativar o uso de cookies de publicidade personalizada de terceiros.