Inglês

BuzzFeed News is not publishing Zhang’s full memo because it contains personal information. This story includes full excerpts when possible to provide appropriate context. In her post, Zhang said she did not want it to go public for fear of disrupting Facebook’s efforts to prevent problems around the upcoming 2020 US presidential election, and due to concerns about her own safety. BuzzFeed News is publishing parts of her memo that are clearly in the public interest. Do you work at Facebook or another technology company? We'd love to hear from you. Reach out at ryan.mac@buzzfeed.com, craig.silverman@buzzfeed.com, pranav.dixit@buzzfeed.com, or via one of our tip line channels. “I consider myself to have been put in an impossible spot – caught between my loyalties to the company and my loyalties to the world as a whole,” she said. “The last thing I want to do is distract from our efforts for the upcoming U.S. elections, yet I know this post will likely do so internally.” Zhang said she turned down a $64,000 severance package from the company to avoid signing a nondisparagement agreement. Doing so allowed her to speak out internally, and she used that freedom to reckon with the power that she had to police political speech. “There was so much violating behavior worldwide that it was left to my personal assessment of which cases to further investigate, to file tasks, and escalate for prioritization afterwards,” she wrote. That power contrasted with what she said seemed to be a lack of desire from senior leadership to protect democratic processes in smaller countries. Facebook, Zhang said, prioritized regions including the US and Western Europe, and often only acted when she repeatedly pressed the issue publicly in comments on Workplace, the company’s internal, employee-only message board. “With no oversight whatsoever, I was left in a situation where I was trusted with immense influence in my spare time,” she wrote. “A manager on Strategic Response mused to myself that most of the world outside the West was effectively the Wild West with myself as the part-time dictator – he meant the statement as a compliment, but it illustrated the immense pressures upon me.” A former Facebook engineer who knew her told BuzzFeed News that Zhang was skilled at discovering fake account networks on the platform.

Português

O BuzzFeed News não está publicando o memorando completo de Zhang porque contém informações pessoais. Esta história inclui trechos completos, quando possível, para fornecer o contexto apropriado. Em sua postagem, Zhang disse que não queria que fosse a público por medo de interromper os esforços do Facebook para evitar problemas em torno da próxima eleição presidencial de 2020 nos Estados Unidos, e devido a preocupações com sua própria segurança. O BuzzFeed News está publicando partes de seu memorando que são claramente de interesse público. Você trabalha no Facebook ou em outra empresa de tecnologia? Adoraríamos ouvir de você. Entre em contato com ryan.mac@buzzfeed.com, craig.silverman@buzzfeed.com, pranav.dixit@buzzfeed.com ou por meio de um de nossos canais de dicas. “Eu me considero colocada em uma posição impossível - presa entre minha lealdade à empresa e minha lealdade ao mundo como um todo”, disse ela. “A última coisa que quero fazer é desviar a atenção de nossos esforços para as próximas eleições nos EUA, mas sei que este post provavelmente o fará internamente.” Zhang disse que recusou um pacote de indenização de US $ 64.000 da empresa para evitar a assinatura de um acordo de não-separação. Isso permitiu que ela falasse internamente, e ela usou essa liberdade para contar com o poder que tinha para policiar o discurso político.“Havia tantos comportamentos violadores em todo o mundo que cabia à minha avaliação pessoal de quais casos investigar, arquivar tarefas e escalar para priorização posteriormente”, escreveu ela. Esse poder contrastou com o que ela disse que parecia ser uma falta de desejo da liderança sênior de proteger os processos democráticos em países menores. O Facebook, disse Zhang, priorizou regiões, incluindo os EUA e a Europa Ocidental, e muitas vezes só agiu quando repetidamente pressionou o assunto publicamente em comentários no Workplace, o quadro de mensagens interno da empresa apenas para funcionários. “Sem qualquer supervisão, fui deixada em uma situação em que recebia uma imensa influência em meu tempo livre”, escreveu ela. “Um gerente da Strategic Response refletiu para mim mesmo que a maior parte do mundo fora do Ocidente era efetivamente o Velho Oeste, comigo mesmo como o ditador de meio período - ele considerou a declaração um elogio, mas ilustrou as imensas pressões sobre mim.” Um ex-engenheiro do Facebook que a conhecia disse ao BuzzFeed News que Zhang era hábil em descobrir redes de contas falsas na plataforma.

Termos de Utilização

Todas as traduções feitas são armazenadas no banco de dados. Os dados salvos são publicados no site de forma aberta e anônima. Por este motivo, lembramos que suas informações e dados pessoais não devem ser incluídos nas traduções que você fará. O conteúdo criado a partir de traduções de usuários pode incluir gírias, blasfêmias, sexualidade e elementos semelhantes. Recomendamos não usar nosso site em situações desconfortáveis, pois as traduções criadas podem não ser adequadas para pessoas de todas as idades e locais de interesse. Se, no contexto da tradução dos nossos usuários, houver insultos à personalidade e / ou aos direitos autorais, etc. você pode nos contatar por e-mail, →"Contato"


Política de Privacidade

Terceiros, incluindo o Google, usam cookies para veicular anúncios com base em visitas anteriores do usuário ao seu website ou a outros websites. Com o uso de cookies de publicidade, o Google e os parceiros dele podem veicular anúncios para os usuários com base nas visitas feitas aos seus sites e/ou a outros sites na Internet. Os usuários podem desativar a publicidade personalizada acessando as Configurações de anúncios. Como alternativa, você pode orientar os usuários a acessar o site www.aboutads.info para desativar o uso de cookies de publicidade personalizada de terceiros.